domingo, 4 de dezembro de 2016

Geração Mimimi






"Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz." 
(1 Pedro 2:9)

Você já parou para pensar que estamos vivendo um dos tempos em que as pessoas mais reclamam? A famosa "geração mimimi". As coisas nunca estão boas o suficiente para essas pessoas, e o que elas fazem com relação a isso? Exatamente! Elas reclamam, brigam e xingam. 
E sabe o que é pior nisso tudo? Existem milhares de cristãos incluídos nessa "geração mimimi".

Muitos crentes acabam se esquecendo de seus propósitos, acabam deixando de lado seus valores, e se acham na condição de superiores com relação aos outros, criando assim uma série de pensamentos e críticas à todos ao seu redor.

Eu fico imaginando como seria se homens como Paulo, João Batista, Moisés, Abraão, Daniel, José, e todos os grandes homens que a Bíblia nos conta, tivessem vivido nos dias de hoje. Imagine só, que loucura! Os caras foram aprisinados, decapitados, esfaqueados, sofreram perseguições e tantas outras coisas, e essa geração em que vivemos não consegue levar um puxão de orelha da liderança que já quer logo sair da igreja, não consegue ouvir um NÃO de Deus que já quer logo se desviar, não consegue ouvir uma opinião sequer contrária a sua que já quer logo agredir o irmãozinho do lado.

A "geração mimimi" está em todos os lugares! Na escola, na faculdade, na família, no trabalho, na igreja. É fácil você encontrar com um deles na esquina da sua casa, num supermercado ou passeando na rua. 
Como discernir quem são eles? Bom, são aquelas pessoas que buscam se tornar autossuficientes, que buscam crescer com o enfraquecimento do seu próximo, que buscam engrandecer o próprio ego enquanto diminui aqueles que estão ao seu redor.

Enquanto não pararmos de querer que as coisas sejam realizadas do nosso jeito e enquanto não começarmos a viver o Evangelho puro e simples, essas coisas não irão mudar! Precisamos parar de inventar desculpas para aquilo que não fazemos e começar a AGIR!

Você não está satisfeito com alguma situação? ORE! Ninguém precisa saber que a sua opinião é contrária da deles! O seu principal papel não é falar, mas é SER! Você não precisa se justificar, quem te justifica é Deus!! Coloque tudo aquilo que te entristece e te aflige nas mãos do Pai e descansa no SENHOR! 

Evite conversas paralelas, evite a maledicência, e busque a justiça dos céus! Quando você fala mal de alguém, está fazendo justiça com suas próprias mãos, porém, quando você deixa Deus agir, Ele fará justiça por você! 

Deus não te chama para assistir o circo pegar fogo e ficar de braços cruzados. Deus não te chama para ouvir tudo e aceitar! Porém, a sua posição como cristão deve ser entregar tudo nas mão dEle para que o Seu Reino possa ser estabelecido. Deus te chama para tomar uma decisão! Deus te chama para fazer a diferença! Ele te chama para ser ovelha, mas também te chama para ser leão!

Experimente parar de reclamar e comece a entregar seus problemas nas mãos de Deus. Experimente passar pelas provações sem reclamar. Experimente interceder por alguém que você não goste tanto. Deus te dará as estratégias, te dará as palavras e te mostrará quando você deverá agir como ovelha e quando deverá tomar a posição de frente na guerra. 

Quem está no comando? Jesus? Então siga em frente! Não seja a geração mimimi que só sabe reclamar, mas seja a geração eleita, ousada, que sabe em quem confiar!

Por fim, gostaria muito que vocês lessem 1 Pedro 2 inteiro. É muito real e descreve bem as atitudes que o Pai espera que tenhamos! Esse capítulo falou demais ao meu coração e o meu desejo é que cada um de vocês possa realmente o atar também em seus corações e meditar nele dia após dia. Caso não tenham acesso a uma Bíblia, vocês poderão encontrá-lo > aqui < na Nova Versão Internacional.

Deus abençoe!
Alessandra Ferreira dos Santos


"Pois é da vontade de Deus que, praticando o bem, vocês silenciem a ignorância dos insensatos. "
1 Pedro 2:15

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Chamados para brilhar!

“Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e ilumina a todos os que se encontram na casa. Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.”  ( Mateus 5:14-16)

Você foi chamado para ser luz do mundo! O quanto você tem brilhado perante a sociedade? Uma lâmpada foi feita com a função de trazer luz ao local onde ela se encontra. Você não acende uma lâmpada e a coloca em um lugar onde ela não terá a função de iluminar, não é mesmo? Assim acontece conosco! Você foi feito para receber a eletricidade de Cristo e clarear também a vida daqueles que estão ao seu redor. Você é o responsável por clarear o caminho que levará cada vez mais pessoas até Cristo! 
E o que você tem feito? Você tem sido a luz do mundo?
Quando nos tornamos sal da terra e luz do mundo, nós atraímos as pessoas novamente até Deus. Quando as pessoas vêem a luz de Cristo em você, a glória do Pai é revelada! Já parou para pensar, o quanto é sensacional você poder transmitir um pouquinho da glória de Deus através da sua própria vida? Esse é o desejo de Jesus: que sejamos luz em meio às trevas em todas as áreas. Que possamos ser um modelo de intimidade com Deus para que quando olharem para nós, as pessoas possam ver uma pessoa apaixonada por Jesus, pela oração, pela busca da Palavra.  
Nós deveríamos ser um exemplo de integridade e santidade. Quando as pessoas olhassem para você exercendo o seu ministério, isso deveria ser uma luz para elas, que as incentivasse a buscar isso que você possui. 

E como conseguimos isso? 
Primeiramente, tudo o que você é no particular, será revelado em público. (Mc 4:22)
O que você faz com Deus no secreto, na intimidade, Deus fará o mesmo com você em público. Se você toca, louva, estuda a Palavra e conversa com Deus em secreto, o Espírito Santo irá fluir através de você. Quando abrimos nossa boca para falar o que vivemos, acabamos gerando um temor e um anseio pela Presença de Deus em quem irá nos ouvir e a partir desse momento, damos liberdade para que o Espírito Santo haja em nós e através de nós.

Portanto,  busque estabelecer uma intimidade constante com Cristo. Busque estar com Ele todos os dias e meditar constantemente em Sua Palavra. Você não foi feito para ficar escondido, mas para transmitir a luz para aqueles que estão ao seu redor. Existem pessoas sedentas, famintas por ouvir uma Palavra que venha do coração de Deus para elas, que as anime, que as tragam de volta para a vida, e você é responsável para transmitir isso para a vida daqueles que necessitam! 

O meu desejo é que quando as pessoas se achegarem a ti elas possam sentir a Presença sobrenatural de Deus as tocar, sem que seja necessário palavra alguma sequer! Que a sua vida possa ser tão repleta de Cristo para que ao chegar em algum lugar, todo o ambiente possa ser mudado, não pela sua própria vontade, mas pelo poderoso e intenso brilho de Cristo através de você. 

Deus abençoe!
Alessandra Ferreira dos Santos

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Simplicidade agrada a Deus.

Saber aproveitar um passeio no parque, andar descalço, dançar na chuva, tomar um banho de mangueira no quintal, comer o doce direto do pote, dar valor aos sorrisos que você recebe, ser grato, saber saboreador um cafezinho no final da tarde, um belo prato de arroz com feijão, aquela "comidinha simples", mas que para você faz toda diferença. Não há nada de errado em ser simples! Pelo contrário, Deus se alegra com nossa simplicidade. Errado seria você demonstrar ser alguém que não é, esbanjar orgulho, ser autossuficiente e não dependente de Deus.

 A Bíblia nos ensina que devemos ser como crianças (Mt 18:3). Você já experimentou observar uma criança? Elas são simples, espontâneas, amam porque amam e ponto final. Elas não fingem ser alguém que não são para poder agradar alguém. Elas não se preocupam se os outros as acharão estranhas por fazerem o que fazem, elas simplesmente fazem. Correm, pulam, brincam, sabem saborear um simples lanchinho, dão risada, abraços, beijinhos, e o mais sensacional é que elas fazem tudo isso de coração, com simplicidade, e é justamente isso que agrada tanto a Deus!

 Quando começamos a andar com Deus, acabamos descobrindo que Ele se alegra quando somos sinceros, quando demonstramos nossos sentimentos, quando vivemos de forma intensa e buscamos agradá-lo em cada mínimo detalhe do nosso dia. As grandes oportunidades de fazermos coisas grandes pra Deus está nas pequenas coisas que fazemos com excelência, e é justamente por isso que devemos parar um pouco e refletir sobre as várias "mini coisinhas" especiais que Deus tem colocado em nossas vidas todos os dias. 

Certa vez li uma frase que dizia assim: "Enquanto você não souber ser ovelha, Deus não te dará autoridade de leão". 

Uaaau, isso é muito real! Já parou pra pensar nisso? Isso se encaixa perfeitamente na passagem de Lucas 16:10 que diz o seguinte: "Quem é fiel no pouco, também é fiel no muito, e quem é desonesto no pouco, também é desonesto no muito."

Se você não é feliz com as pequenas coisas que Deus te dá para administrar, como poderá administrar coisas maiores? Como poderá ser feliz com coisas grandiosas, se você não sabe valorizar as pequenas coisas que estão ao seu redor?

 Toda vez que você deixa de fazer algo simples para Deus, você impede que Deus haja de maneira grandiosa em sua vida.

 Então meu querido e minha querida, meu conselho para vocês hoje é o seguinte: comece a dar mais valor para aquilo que você já tem e não para aquilo que você ainda quer ter. Deus sabe exatamente o que você precisa e Ele só te dará quando você aprender a administrar aquilo que Ele ja tem colocado em suas mãos. A vida é curta demais e cada minuto é precioso demais para perder preocupado com o amanhã. Aproveite o hoje e ouça o canto dos pássaros, abrace seus pais, passe um tempo com seus amigos, compre um presente para seus irmãos, tenha uma conversa com Deus, diga para alguém que essa pessoa é especial para você, que você a ama, sorria para um estranho na rua, faça um jantar especial, ajude alguém. Às vezes ser simples é o que há de mais sofisticado.

 E lembre-se: No dia que você não quiser mais fazer as coisas simples você perdeu a oportunidade de Deus fazer coisas grandes na sua vida. Portanto, aproveite a oportunidade!!

Deus abençoe!
Alessandra Ferreira dos Santos

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Farinha pouca, meu pirão primeiro

“Porque assim diz o SENHOR, Deus de Israel: A farinha da tua panela não se acabará, e o azeite da tua botija não faltará, até ao dia em que o SENHOR fizer chover sobre a terra” (1 Reis 17:14)
 
Temos vivido em uma sociedade tão egoísta. Temos a tendência de sempre buscar aquilo que irá nos satisfazer primeiro, e quase nunca pensamos no nosso próximo. Mas, pare um pouquinho para refletir comigo... 

Suponhamos que você tenha um filho e que tanto você, quanto ele estejam passando necessidade e só tenham um pouquinho de comida para se alimentar, tão pouco que depois daquela refeição não terão mais nada para comer e certamente morrerão de fome. Então, de repente aparece um sujeito em sua porta e te pede a única comida que você tem. Sim, esse único alimento que serviria para alimentar você e seu filho por algumas horas. O que é que você faria? 

 Foi exatamente o isso que aconteceu com a viúva de Sarepta. Elias havia chegado a Serepta e estava com fome. Deus havia lhe ordenado que fosse até lá e ele lhe enviaria uma viúva que iria o alimentar e foi então que ele se encontrou com essa moça apanhando lenha. Primeiro ele lhe pediu um pouco de água para beber, e quando ela foi buscar, ele a chamou e disse: “Traga-me também um pouco de pão, por favor, pois estou com fome!” Foi então que a viúva explicou para Elias que ela não tinha nada cozido em casa, ela tinha apenas um pouco de farinha numa panela e um pouco de azeite em uma botija. Com isto, ela prepararia um resto de comida para ela e para o seu filho e depois morreriam.

 “Elias lhe disse: Não temas; vai e faze o que disseste; mas primeiro faze dele para mim um bolo pequeno e traze-mo aqui fora; depois, farás para ti mesma e para teu filho. Porque assim diz o SENHOR, Deus de Israel: A farinha da tua panela não se acabará, e o azeite da tua botija não faltará, até o dia em que o SENHOR fizer chover sobre a terra. Foi ela e fez segundo a palavra de Elias; assim, comeram ele, ela e sua casa muitos dias. Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou, segundo a palavra do SENHOR, por intermédio de Elias” (1 Reis 17:13-16) 

Uau! Já parou para pensar no tamanho da fé dessa mulher? Preferir dar o seu único mantimento, o qual serviria para alimentar a ela e ao seu filho, para um homem que ela nem conhecia. E foi isso o que ela fez. Foi, preparou um bolo e o levou para Elias, não porque ela tivesse sido obrigada a fazer isso, mas porque ela teve fé de que o único que poderia salvar tanto ela, quanto a sua família durante aqueles dias de seca, era o Deus de Israel. Já que Ele havia dito que não faltaria farinha e nem azeite em sua casa, ela deu um passo de fé e decidiu acreditar que assim seria. E assim foi! 

E se essa mulher tivesse optado apenas por alimentar sua família e não tivesse ajudado Elias? Pode ser que talvez aquele realmente tivesse sido a última refeição dela e de seu filho. 

 Muitas vezes, parece que tudo está cooperando para nosso fracasso. A farinha está acabando em sua panela e sua botija já está quase vazia. Para ajudar, aparecem ainda, pessoas “do nada” para lhe pedir tudo aquilo que te resta. Seu alimento está acabando e você precisa lidar com a situação de ter que dividir tão pouco com aqueles que estão ao seu redor. Porém, a Palavra do SENHOR nos diz que, se assim você fizer, jamais faltará mantimento em sua casa. 

 Não sei por qual situação você está passando e nem as lutas que você tem enfrentado, mas ao confiar em Deus e depositar a sua fé nele, tudo pode começar a cooperar a seu favor. Pode ser que você esteja em falta de pão físico (alimento), ou talvez a sua fome seja por um pão espiritual, que somente Deus pode te dar. Talvez você está tendo que compartilhar o restante do alimento que há dentro de você e sua panela está se esvaziando de pouco em pouco conforme você compartilha esse pão com os outros. 

Que tal buscar se encher em Deus? Somente ele pode encher novamente a sua panela e a sua botija com a farinha e o azeite que vêm dos céus. Descanse nEle, tenha fé que toda crise, toda dor, todo egoísmo, cairão por terra e que você, assim, passará a caminhar e prosseguir para o alvo que é Cristo, sempre com suas panelas e botijas fartas. Coloque de lado o egoísmo e deixe Deus te usar para alimentar vidas que estão sedentas e famintas ao seu redor. 

 Deus abençoe! 
Alessandra Ferreira dos Santos

terça-feira, 13 de setembro de 2016

No Oceano de Deus, devemos ser um Iceberg.


 “Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a Teu Pai, que está em secreto; e Teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.” (Mateus 6:6) 

 Como tem andado a sua vida com Deus? Não me refiro àquilo que você mostra aos outros quando está em público, mas sim à sua vida íntima com o Pai, aqueles momentos que você passa a sós com Ele, sem ninguém ver. 

Podemos comparar a nossa vida espiritual com um iceberg. Aquilo que os outros veem, ou seja, a parte externa, que fica na superfície, representa apenas um sétimo do iceberg, os outros seis sétimos estão submersos na água. Ou seja, sua vida íntima com Deus, sua vida oculta, longe dos olhos dos outros, deve estar tão nutrida por Ele, que quando as pessoas olharem para você, irão se maravilhar com o temor de Deus que há em sua vida. 

 Porém, é muito fácil deixarmos de lado esse ideal de vida cristã e pensar que o que realmente tem valor é o tempo utilizado para demonstrar para pessoas o quão espirituais nós somos. Passamos a maior parte do nosso tempo tentando demonstrar aos outros que nós possuímos um relacionamento profundo com Deus, no entanto, acabamos nos esquecendo de realmente passar tempo com Ele e nos aprofundarmos em conhecê-lo.

 A verdade é que quanto mais do seu tempo diário você passar a sós com Deus, refletindo e meditando em sua Palavra, em oração, estudo e devoção, maior será o impacto que você irá causar nessa geração e maior será o poder de Deus visto pelos outros em sua vida. A proporção que o seu ministério alcançará está diretamente ligado ao tempo que você passa longe das pessoas e próximo a Deus.

 Para que você se aproxime cada vez mais do SENHOR, você precisa controlar sabiamente o seu tempo. Você precisa negar não somente o pecado e as coisas erradas, mas é necessário negar também aquilo que para você pode ser agradável e bom, porém que prejudicariam e te afastaria dos projetos de Deus para a sua vida. 

O que tem te afastado dos planos de Deus hoje? Quais são as “coisas boas” que você precisa abrir mão? Quando você separa um tempo do seu dia para estar com Deus em estudo e oração, Ele te nutre e te prepara para o crescimento, a sua saúde espiritual é restaurada e você ganha forças para continuar a caminhada.

 Que tal começar a olhar a sua agenda? Nela consta um tempo para estar com Deus? Nem que seja apenas um curto período de tempo, mas é necessário que haja essa rotina de comunhão! Com o tempo pode ser que você vá aumentando esses períodos de 5 minutos para meia hora, de meia hora para 45 minutos ou talvez chegue um momento em que 3 horas já não serão o suficiente e você irá querer cada vez mais estar a sós com Deus. 

Experimente! Comece organizando seus horários e veja qual horário fica melhor para você. Pode ser que você prefira de manhã logo quando acorda, ou talvez você não tenha tanto tempo e prefira a hora do almoço, talvez você só tenha um tempinho a noite antes de dormir. Seja como for, separe um tempo para estar com Ele! A única hora “errada” para ter o seu momento a sós com Deus seria “nenhuma hora”. Depois de separar o seu horário, escolha um lugar que você possa estar a sós somente você e Ele. Pode ser no seu quarto, no carro, no banheiro, na cozinha, na lavanderia; seja aonde for, o importante é que vocês dois estejam juntos. Depois que já tiver separado um horário e um local, é só falar com Ele e meditar em Sua Palavra e naquilo que Ele quer falar ao seu coração. Sugiro que você tenha sempre em mãos um lápis, canetas, um caderninho de anotações, blocos de notas, marcadores, um lencinho (para enxugar as lágrimas rs), e tudo aquilo que você ache necessário para anotar seus pensamentos que precisam ser compartilhados com Deus, suas ideias, e os projetos que Deus for falando ao seu coração. Com o tempo, você pode adicionar livros, devocionais, louvores e várias outras coisas que, além da oração e da leitura da Palavra, irão te ajudar a crescer na Presença de Deus. 

Separe tudo o que for necessário, planeje seus dias e faça tudo o que for preciso para que o seu tempo a sós com Deus seja o mais precioso possível e que constantemente você esteja em sincronia com Ele.

 Lembre-se, portanto, que ainda que a ponta do iceberg possa gerar temor, medo e respeito naqueles que o observam, ela não representa mais que um sétimo do iceberg. O que pode realmente impactar é aquilo que está submerso nas águas. Se não fosse a parte profunda do iceberg, ele seria apenas mais uma pedrinha de gelo flutuando nas águas e que em muitos casos seria completamente destruída se estivesse na rota de enormes navios. Portanto, busque se aprofundar em Deus. O que realmente conta é o tempo que você passa com Ele em secreto, e só então as pessoas poderão ver a real Presença de Deus refletida em você. 

Deus abençoe! 
Alessandra Ferreira dos Santos

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Vamos falar de amor...






"Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida" (Provérbio 4:23) 

Para onde foi parar o amor? Quando foi que o amor de tornou algo extinto e as pessoas passaram a ser tratadas como coisas? Quando foi que a essência do que é o amor verdadeiro se perdeu e deu lugar ao mero sentimentalismo?

 O amor tem perdido lugar na vida de muitas pessoas. Tornou-se algo raro de se encontrar. Tenho visto atualmente uma geração muito vazia, que tem buscado demonstrar ser o que não é para conseguir ser amada. Para se ter uma ideia de como o amor se tornou raro, basta olhar para nossas próprias ações. Muitas vezes se algum menino ou alguma menina é gentil conosco, nós logo pensamos: "Genteee, ele/ela está afim de mim. Meu Deus, com toda certeza ele/ela é a resposta das minhas orações. Já vou logo marcar o nosso casamento!!!". Brincadeiras a parte, isso realmente tem se tornado algo normal para nós. A gentileza, o amor e a bondade tem se tornado algo tão difícil de encontrar nas pessoas atualmente, que ao primeiro sinal, nós logo já partimos pra cima com outras intenções.

 O que mais me deixa chocada com tudo isso é que quando você escolhe ser fiel a Deus na área de relacionamentos e busca a santidade, você é visto como a pessoa estranha da sociedade. Tenho visto meninas lindas, princesas do Senhor, sendo usadas por rapazes apenas por desejos e necessidades momentâneas. Da mesma maneira, tenho visto rapazes incríveis sendo usados como lixo.

 Quando foi que as pessoas se tornaram descartáveis? Quando foi que "ficar" com 20 em uma noite se tornou algo para se ter orgulho, e não vergonha? Quando foi que humilhar as pessoas se tornou algo comum, e fins de relacionamentos se tornaram algo constante? Será que só eu que  parei no tempo e ainda não me acostumei com essa realidade?

 Eu sinceramente tenho parecido um E.T. quando paro pra pensar sobre a realidade das pessoas que me rodeiam. Não sei porquê mas eu realmente não consigo engolir que meninas sejam desvalorizadas. Quando eu digo "desvalorizadas" não quero dizer que os homens a desvalorizem, mas pelo contrário, elas mesmas têm passado a se desvalorizarem e acharem que isso é normal. Não me refiro somente à roupas, mas ao modo de falar, de andar, de agir. Cada vez mais, tem se perdido a essência do que realmente é importante.

 Não estou querendo colocar um "padrão de santidade" para ninguém e também quem sou eu para dizer o que as pessoas devem ou não fazer? Sou pó da terra como todo mundo e meu papel aqui hoje não é esse. Mas devemos parar pra pensar, o que realmente tem importado em nossas vidas. A Bíblia diz em 1 Coríntios 7:32: "Gostaria de vê-los livres de preocupações. Aos solteiros preocupem-se com as coisas do Senhor, em como agradar ao Senhor". Quais tem sido as suas atitudes? Enquanto solteiros temos que buscar agradar ao Senhor com todas as nossas forças, pois um dia toda essa disposição irá diminuir pouco a pouco e você não terá mais tanto tempo e nem tanta força para fazer o que você pode fazer enquanto é jovem.

 Você está com o coração partido? Talvez você esteja entregando ele para a pessoa errada. Talvez você esteja passando tempo demais com pessoas erradas, ouvindo sempre as mesmas coisas erradas e persistindo sempre no mesmo erro.

 Quando foi a sua última conversa com Deus? Você já experimentou entregar seu coração para Ele? Eu posso te garantir que pessoa alguma nesse mundo irá te amar tanto quanto Ele. Deus é o próprio amor e buscando-o em primeiro lugar, você aprenderá a se amar e só então você poderá amar alguém verdadeiramente.


Deus abençoe! 
Alessandra Ferreira dos Santos ❤

domingo, 17 de julho de 2016

Deus procura por filhos!















"Ele veio para o que era seu, mas os seus não o receberam. Mas a todos quantos o receberam, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus, ou seja, aos que crêem no seu Nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus."  
(João 1:11-13)

 Deus não te chama para FAZER, Ele te chama para SER. Quando entendemos que somos chamados para sermos dele, a adoração se torna algo natural para nós, a santidade se torna nosso objetivo e sermos parecidos com Ele passa a ser consequência da nossa intimidade dia após dia com nosso Senhor. 

Deus não procura por robôs controlados por controle remoto que façam tudo roboticamente. Não! Ele procura por filhos! Por pessoas que estejam com o coração disponível e aberto para o que Ele tem para nós. Muitas pessoas pensam que devem se santificar para que Deus possa se relacionar com elas, mas é o contrário. Deus deseja se relacionar conosco para que então, possamos ser santificados. O Pai nos manda irmos até Ele como estamos para que então Ele nos encha da presença dele. 

Não importa se você está triste, ferido, sujo ou carente. Deus te diz nesse dia que Ele deseja limpar as sua vestes! Ele deseja ter intimidade contigo, a ponto de que não haja mais Você e Ele, mas que ambos possam ser UM SÓ! Ele quer estar perto de você, sarar suas feridas, curar suas dores, libertar você das correntes que te aprisionam. Ele deseja começar um relacionamento contigo que jamais se abalará. Ele quer te usar, sim, mas para isso você precisa aprender a como ser usado por Ele da maneira que Ele deseja. 

Você só irá exercer o seu chamado, a partir do momento em que deixar de colocar todas as suas expectativas para o que Deus irá fazer, e começar a olhar para o que Deus já está fazendo. Não espere pelo seu grande momento, não espere por um sinal dos céus dizendo: "É AGORA!!!". Comece a reparar como Deus age no dia-a-dia, no cotidiano, na rotina. 

Ele é Deus de coisas grandes, mas também age nas pequenas coisas. Lembre-se que todo grande propósito deve partir de um pequeno começo e é exatamente nesse ponto que Deus quer agir em nossas vidas. Se formos fiéis no pouco, Deus nos colocará sobre o muito. Que possamos ser fiéis então, amém?

Deus abençoe!
Alessandra Ferreira dos Santos